Naufrágio ao largo da Tunísia e recorde no desembarque de migrantes em Itália

Migrantes a zarpar da Tunísia em agosto do ano passado
Migrantes a zarpar da Tunísia em agosto do ano passado Direitos de autor AP Photo/Francisco Seco/Arquivo
De  Francisco Marques
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Embarcação com 38 pessoas a bordo afundou e apenas quatro foram resgatadas. A Lampedusa, chegaram mais de dois mil migrantes em apenas 24 horas

PUBLICIDADE

Pelo menos 34 migrantes estão desaparecidos após o barco em que tentavam chegar à Europa ter afundado ao largo da Tunísia.

A embarcação tinha zarpado das proximidades da cidade costeira tunisina de Sfax. Estima-se que levasse 38 pessoas a bordo, mas quatro foram resgatadas, revelou um porta-voz das autoridades tunisinas.

Entretanto, em Itália, novo recorde em Lampedusa com o desembarque de mais de dois mil migrantes em 24 horas.

O último grupo, com 267 pessoas, desembarcou em segurança já na madrugada deste sábado

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Morreu o estilista Roberto Cavalli aos 83 anos

Greve em Itália após explosão mortal em central hidroelétrica

Dezenas de manifestantes anti-NATO entram em confronto com a polícia em Nápoles