Polícia reprime protesto contra Macron na Alsácia

Emmanuel Macron visitou a empresa Mathis, especializada em construções de madeira, em Muttersholtz, na Alsácia, esta quarta-feira
Emmanuel Macron visitou a empresa Mathis, especializada em construções de madeira, em Muttersholtz, na Alsácia, esta quarta-feira Direitos de autor Ludovic Marin/AP
De  Verónica Romano
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Cerca de 100 franceses aguardavam a chegada de Macron à porta da Câmara de Muttersholtz, onde protestavam contra a nova idade da reforma

PUBLICIDADE

A polícia francesa interveio para reprimir o protesto de cerca de cem pessoas contra a visita do presidente a Muttersholtz, no nordeste de França.

Esta quarta-feira, à porta da Câmara Municipal, o grupo aguardava a chegada de Macron para lhe mostrar que se opõe ao aumento da idade da reforma. As autoridades conseguiram finalmente fazer o grupo recuar.

O presidente começa na Alsácia uma tentativa de se reaproximar dos franceses, após três meses de revoltas contra a lei da reforma das pensões, que foi agora promulgada

Macron tem prevista adeslocação a uma escola em Hérault, no sul de França, esta quinta-feira. Para esta ocasião, há também já protestos marcados.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Macron promulga subida da idade de reforma de 62 para 64 anos

Conselho Constitucional aprova reforma do sistema de pensões

Mais protestos em França contra a reforma das pensões