Partido de Erdoğan dividido sobre políticas económicas antes de segunda volta das presidenciais

Compradores compram doces em banca de mercado no distrito histórico de Ulus, em Ancara, a 19 de abril de 2023.
Compradores compram doces em banca de mercado no distrito histórico de Ulus, em Ancara, a 19 de abril de 2023. Direitos de autor ADEM ALTAN/AFP or licensors
De  Sudesh Baniya
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Um "grupo informal" está a discutir uma alternativa ao polémico programa económico do presidente Recep Tayyip Erdoğan, dias antes de tentar estender o seu reinado político.

PUBLICIDADE

Desentendimentos sobre a política económica "insustentável" de Recep Tayyip Erdoğan surgiram dentro do próprio partido dias antes de a Turquia caminhar para a segunda volta das eleições presidenciais.

Um "grupo informal" do partido Partido Justiça e Desenvolvimento (AKP), no poder, está a analisar se o presidente turco deve abandonar a política de impulsionar a economia com cortes nas taxas de juros e despesa, de acordo com a agência de notícias norte-americana Reuters.

Erdoğan, no entanto, não esteve diretamente envolvido nas negociações, em que se discutiram métodos alternativos.

A economia da Turquia agravou-se nos últimos anos, com a desvalorização da moeda.

Especialistas atribuem parte do problema à decisão de Erdoğan de manter as taxas de juros baixas, o que sobreaquece a economia ao tornar mais barato pedir dinheiro emprestado.

O plano do grupo informal não inclui, alegadamente, aumentos agressivos nas taxas de juros, mas uma transição gradual para uma taxa básica no mercado dos empréstimos.

Várias ideias estão, no entanto, a ser consideradas e o grupo adversário ainda não apresentou o plano a Erdoğan, de acordo com algumas fontes.

Com o presidente à procura de conquistar um terceiro mandato, as preocupações com a gestão da divisa turca e o aumento do custo de vida estão em alta.

A economia dependente do turismo estagnou durante a pandemia de COVID-19, mas obteve 5,8% de crescimento médio anual do PIB entre 2002 e 2021.

Em setembro de 2021, 1 dólar americano valia cerca de 8 liras turcas, mas em maio de 2023, esse valor disparou para quase 20.

Uma pesquisa do Centro de Pesquisa Social de Yöneylem no ano passado mostrou que mais de dois terços das pessoas na Turquia tinham dificuldades para pagar a comida e a renda, o que provocou um aumento nas doenças mentais e dívidas.

A eleição presidencial da Turquia terá uma segunda volta no domingo, depois de nenhum candidato conseguir garantir uma maioria absoluta de 50%, apesar de o atual presidente ter obtido a maior parte dos votos.

Uma das principais agendas defendidas pelo principal opositor, Kemal Kilicdarogl, é reorientar a economia do país com a adaptação dos princípios de livre mercado.

Erdoğan, por outro lado, insinuou uma possível mudança nas políticas económicas para atrair investidores internacionais e conter a queda das reservas estrangeiras da Turquia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Erdoğan reeleito para terceiro mandato

"Esta é uma grande derrota para a oposição"

Parlamento turco aprova adesão da Suécia à NATO