EventsEventos
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

União Europeia ajuda refugiados da guerra do Sudão no Egipto

Josep Borrell, Alto Representante da União Europeia para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança
Josep Borrell, Alto Representante da União Europeia para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança Direitos de autor Geert Vanden Wijngaert/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
Direitos de autor Geert Vanden Wijngaert/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
De  Verónica Romano
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

São 20 milhões de euros atribuídos ao governo egípcio numa altura em que o país atravessa uma crise financeira

PUBLICIDADE

A União Europeia atribuiu fundos no valor de 20 milhões de euros ao Egipto, para ajudar o país a fazer face ao fluxo de refugiados da guerra do Sudão.

Josep Borrell, Alto Representante do bloco para os Negócios Estrangeiros, anunciou a medida numa altura em que Cairo enfrenta uma crise financeira.

O Exército sudanês e o grupo paramilitar Forças de Apoio Rápido concordaram com um cessar-fogo de três dias, que dura até quarta-feira de manhã. O acordo seguiu-se a um ataque aéreo que fez pelo menos 17 mortos, incluindo crianças, na capital sudanesa Cartum, no sábado.

Esta segunda-feira, a ONU lidera uma conferência internacional de angariação de fundos para cobrir as necessidades humanitárias do Sudão.

Outras fontes • AP

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Franceses marcham de guarda-chuva pelos refugiados

Combates intensificam-se entre exército do Sudão e os paramilitares RSF

Mais cinco dias do suposto cessar-fogo no Sudão