#The Cube: Contradições da guarda costeira grega

Blanca Castro
Blanca Castro Direitos de autor Euronews
De  Blanca Castro
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O barco com cerca de 700 migrantes a bordo permaneceu imóvel durante mais de sete horas antes de afundar, contradizendo a versão da guarda costeira grega

PUBLICIDADE

No The Cube, abordamos as últimas revelações sobre o naufrágio ao largo da costa grega.

De acordo com uma investigação da BBC, o barco com cerca de 700 migrantes a bordo permaneceu imóvel durante mais de sete horas antes de se afundar, contradizendo a versão da guarda costeira grega, que afirma que o barco se dirigia para Itália e não precisava de ser resgatado.

Fomos rever a cronologia do naufrágio e as discrepâncias entre as duas versões.

Terça-feira de manhã, 13 de junho:

Às 08:00, a Agência Europeia da Guarda de Fronteiras e Costeira comunica o primeiro avistamento do arrastão e alerta as autoridades gregas.

Às 12:17, a ONG Alarm Phone recebe o primeiro pedido de socorro e informa as autoridades gregas de que a situação humanitária a bordo é extremamente grave.

De acordo com a BBC, por volta das 15:00, um navio chamado "Lucky Sailor" aproxima-se do barco. O proprietário informou os meios de comunicação britânicos que a guarda costeira lhe tinha pedido para fornecer comida e água aos migrantes.

Minutos mais tarde, um helicóptero da guarda costeira faz um reconhecimento visual da traineira e confirma que o barco continuava a deslocar-se a uma velocidade constante.

No entanto, por volta das 18:00 horas, um outro barco chamado "Faithful Warrior" dirige-se para a mesma zona que o "Lucky Sailor" para também entregar mantimentos. Isto indica que o barco com os migrantes não se moveu durante mais de duas horas.

Apesar disso, a guarda costeira defende a sua versão, afirmando que, entre as 19:40 e as 22:40, o arrastão manteve a sua rota e que, durante esse período, o barco de patrulha grego ofereceu várias vezes ajuda e salvamento, mas os migrantes recusaram.

No final, às 23:00, o barco afundou-se em menos de um minuto, quase em frente ao barco de patrulha grego.

Os dados analisados pela BBC através do Marine Traffic, um sistema de localização de embarcações, mostram que, no momento do afundamento, vários barcos acorreram ao local para ajudar, e esta área coincide com o ponto onde "Faithful Warrior" e o "Lucky Sailor" tinham fornecido comida durante o dia.

Este facto corrobora a ideia de que o barco não se moveu até ao momento em que se virou e afundou.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Inundações já mataram 10 pessoas na Grécia e sete em Espanha

Incêndio destrói mosteiro de Agia Paraskevi na Grécia

Partido Nova Democracia vence eleições mas fica aquém da maioria