EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Exército israelita anuncia retirada das tropas de Jenin, na Cisjordânia

Exército israelita abandona Jenin, na Cisjordânia
Exército israelita abandona Jenin, na Cisjordânia Direitos de autor Majdi Mohammed/AP.
Direitos de autor Majdi Mohammed/AP.
De  Nara Madeira com AP
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Pelo menos 13 palestinianos morreram

PUBLICIDADE

O exército israelita retirou as suas tropas de Jenin, na Cisjordânia, ocupada desde quarta-feira. É o fim a uma vasta operação, com ataques aéreos e centenas de tropas terrestres enviadas para um campo de refugiados, que terminou com a morte de, pelo menos, 13 palestinianos e obrigou milhares de pessoas a partirem. Há também um soldado israelita morto. Os danos são extensos.

A resposta de Gaza surgiu com roquetes enviados para Israel mas travados pela Defesa antimíssil. As forças de Telavive ripostaram com ataques aéreos.

Horas antes, um militante do Hamas, como vingança pela ofensiva israelita, tinha feito colidir a viatura que conduzia contra uma paragem de autocarro cheia de gente, em Telavive, e esfaqueado algumas pessoas. Oito ficaram feridas, entre elas uma grávida que terá perdido o bebé. O agressor acabou morto por um indivíduo que estava armado.

As Nações Unidas condenaram as operações aéreas e terrestres, de grandes escala lançadas por Israel, em particular os ataques por ar que, dizem, "atingiram um campo de refugiados densamente populado".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

16 mortos em confrontos entre palestinianos e soldados israelitas na Cisjordânia

Ataque na Cisjordânia provoca três feridos

Pelo menos oito mortos em operação militar de Israel em Jenine