EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Tribunal rejeita pedido para proibir interpretação do "hino" dos protestos em Hong Kong

Protestos em Hong Kong
Protestos em Hong Kong Direitos de autor AP
Direitos de autor AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A música "Glória a Hong Kong" foi tocada por engano em vários eventos desportivos internacionais em vez do hino nacional da China.

PUBLICIDADE

Um tribunal de Hong Kong rejeitou o pedido do governo para proibir a interpretação e divulgação da música que se tornou o hino dos protestos que abalaram o território em 2019.

Segundo o juiz, a proibição da música "Glória a Hong Kong" punha em causa o direito à liberdade de expressão e poderia ter um efeito paralisante na sociedade.

A música foi composta por um músico anónimo e a letra apela à democracia e à liberdade.

Nos últimos anos, a mão forte do governo local e a rigorosa lei de segurança imposta pela China conseguiram travar o movimento pró-democrático do território.

O pedido do governo de Hong Kong surgiu depois da música "Glória a Hong Kong" ter sido tocada por engano em vários eventos desportivos internacionais em vez do hino nacional da China.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Comprar peças originais sem ir à falência: bem-vindos à feira de arte acessível de Hong Kong

Putin enaltece comércio bilateral no último dia da sua visita à China

Xi Jinping promete a Putin continuar a consolidar "amizade de boa vizinhança"