EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Mais de 500 eventos culturais no Festival Devil's Den, na Hungria

Jovens participantes no Festival Devil's Den, na Hungria
Jovens participantes no Festival Devil's Den, na Hungria Direitos de autor Euronews
Direitos de autor Euronews
De  Euronews
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O Festival Cultural Devil's Den realizou-se, como habitualmente, no sul da Hungria. Foi a décima sexta edição deste encontro cultural de 5 dias, organizado em duas aldeias.

PUBLICIDADE

O Devil's Den deste ano ofereceu mais de 500 eventos: espetáculos de teatro, encontros literários, arte, eventos familiares e concertos.

Não é necessariamente conhecido pelo seu frenesim desenfreado, mas antes pela sua intimidade e tranquilidade. Tem a sua própria reserva indiana, para contemplação interior.

Este ano, a memória de Tamás Cseh, um cantor e compositor húngaro muito famoso, falecido em 2009, foi particularmente destacada.  Tamás Cseh era um dos patronos hereditários do festival e faria 80 anos este ano.

Um jovem participante manifesta o seu entusiasmo: "Tragam amigos e venham cá, mas se vierem sozinhos, encontrarão o vosso lugar sem eles, encontrarão sempre algo que vos satisfaça, os concertos são divinais."

O festival, também conhecido por Katlan ou "caldeirão", fomenta o espírito de liberdade e espiritualidade. 

O seu fundador, László Bérczes declara: "Se eu pudesse, recolheria as palavras ditas aqui durante estes dias, todas elas, testemunhadas apenas pelas árvores, pelas nuvens, pela relva, e então veríamos que essas palavras não têm nada a ver com a situação húngara infeliz, degradada e empobrecida em que vivemos".

A repórter da Euronews, Rita Kónya, acompanhou as atividades festivaleiras: "O Festival Devil's Den começou há 16 anos. As circunstâncias mudaram e tornaram-se mais difíceis desde então, mas esta comunidade tem provado, ano após ano, a necessidade de se retirar da rotina diária em lugares pequenos e íntimos como este, atrás de mim".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Televisão pública húngara emite debate político pela primeira vez em 18 anos

Na Hungria, uma nova oposição liderada por Péter Magyar desafia Viktor Orbán

Opositor de Orbán mobiliza milhares em manifestação anti-governo