EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Banca europeia no vermelho por causa de imposto sobre setor em Itália

Executivo de Giorgia Meloni aprovou imposto extraordinário.
Executivo de Giorgia Meloni aprovou imposto extraordinário. Direitos de autor AFP
Direitos de autor AFP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Anúncio do governo italiano está a ter impacto nos mercados financeiros.

PUBLICIDADE

As bolsas europeias acusam a pressão do anúncio de um imposto extraordinário de 40% sobre os bancos italianos.

As ações dos bancos europeus caíram pouco depois do meio-dia desta terça-feira, cerca de 3%.

A quebra reflete a aprovação do referido imposto pelo executivo italiano, esta segunda-feira, que será limitado aos anos de 2022 e 2023 e não superior a 25% do respetivo património líquido.

Entrará em vigor em 2024 e as receitas servirão, segundo o governo, para "apoiar a compra de hipotecas e a redução de impostos."

Em termos práticos, todos os bancos que conseguirem obter margens financeiras acima do ano anterior serão chamados a pagar o imposto extraordinário.

Para isso, a medida ainda terá de obter aprovação parlamentar, que deverá acontecer dentro de dois meses.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Êxodo" de banqueiros de Londres após Brexit

Eleições europeias: O que é que os eleitores querem e o que é que os candidatos prometem?

Eleições europeias: O que é que os eleitores querem e o que é que os candidatos prometem?