EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Nagasaki assinala 78.º aniversário do bombardeamento atómico

Missa matinal na Catedral de Urakami assinala 78.º aniversário do bombardeamento atómico em Nagasaki, no Japão.
Missa matinal na Catedral de Urakami assinala 78.º aniversário do bombardeamento atómico em Nagasaki, no Japão. Direitos de autor 小向英孝/AP
Direitos de autor 小向英孝/AP
De  Verónica Romano com AP
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Mais de 70 mil pessoas morreram na sequência do ataque dos Estados Unidos

PUBLICIDADE

Fez esta quarta-feira 78 anos que os Estados Unidos (EUA) lançaram uma bomba atómica sobre Nagasaki, no sul do Japão.

O aniversário foi assinalado na cidade com uma cerimónia em que, às 11h02 (hora local), tocou um sino da paz para marcar o momento exato em que a bomba caiu sobre Nagasaki. Mais de 70 mil pessoas morreram.

O primeiro-ministro japonês não esteve na cerimónia, mas deixou uma mensagem de vídeo. "Com o aprofundar da divisão da comunidade internacional sobre o desarmamento nuclear e as contínuas ameaças da Rússia, o caminho para um mundo sem armas nucleares está-se a tornar ainda mais difícil", sublinhou Fumio Kishida.

Os EUA lançaram as duas primeiras bombas atómicas do mundo, sobre o Japão em agosto de 1945. Hiroshima foi o primeiro alvo, no dia 6, e Nagasaki, o segundo, no dia 9. O número total de mortos ultrapassou os 210 mil. 

Agora aliados, o Japão está sob o guarda-chuva dos EUA, numa altura em que as ameaças nucleares da China, Coreia do Norte e Rússia se intensificam.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Que futuro para o acordo nuclear entre o Irão e a Europa?

O que está a acontecer na central nuclear de Zaporíjia?

Rússia transferiu primeiras ogivas nucleares para a Bielorrússia