EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Ucrânia alega assassinato de comandante russo em recentes ataques na Crimeia

Ucrânia alega assassinato de comandante russo
Ucrânia alega assassinato de comandante russo Direitos de autor Planet Labs via AP
Direitos de autor Planet Labs via AP
De  Patricia Tavares
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Rússia não reagiu ao anúncio da alegada morte do comandante da frota do Mar Negro.

PUBLICIDADE

As forças armadas da Ucrânia afirmam ter matado o comandante da frota russa do Mar Negro durante recentes ataques a alvos russos no território da Crimeia – controlado pelo Kremlin.

Numa atualização sobre as alegadas baixas no lado da Rússia durante a operação de destruição do navio “Minsk” e do submarino “Rostov-On-Don”, as forças ucranianas afirmam ter matado 62 membros das forças russas nesse ataque que teve lugar no dia 13 de setembro.

Noutro ataque contra o quartel da Frota Russa do Mar Negro, a 22 de setembro, 34 oficiais russos morreram, incluindo o comandante da frota. Ainda segundo a Ucrânia esta operação deixou mais de cem soldados russos feridos. No entanto, estes números ainda não foram confirmados de forma independente.

Do lado da Rússia, a Agência de Notícias TASS adiantou que os danos sofridos pelo submarino russo são considerados como sendo “menores”.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ucrânia alerta para reforços russos. NATO atenua linhas vermelhas sobre uso de armas ocidentais

Avanço das tropas russas: cidadãos fogem de Ocheretyne. Moscovo abate mísseis ATACMS

ISW: Ucrânia conseguiu reduzir significativamente as atividades da Rússia no Mar Negro