EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Manifestações pró-Palestina em várias cidades da Europa

Manifestações pró-Palestina
Manifestações pró-Palestina Direitos de autor JUSTIN TALLIS/AFP or licensors
Direitos de autor JUSTIN TALLIS/AFP or licensors
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Milhares de pessoas reuniram-se no centro de Londres, apesar da polícia ter avisado que quem mostrasse apoio ao Hamas poderia ser preso.

PUBLICIDADE

A guerra no Médio Oriente deu origem a novas manifestações, no meio de apelos ao respeito pelos direitos humanos. Centenas de pessoas concentraram-se em cidades como Barcelona e Londres em apoio aos palestinianos.

Alemanha

Na cidade de Dusseldorf, cerca de 700 pessoas reuniram-se para uma manifestação pró-palestiniana. A manifestação foi pacífica. Os participantes agitaram bandeiras e gritaram " Palestina Livre" e "Viva a Palestina".

O Tribunal Administrativo de Hessen confirmou a proibição de uma manifestação pró-palestiniana em Frankfurt. A polícia evacuou a Praça da Ópera, a pedido do tribunal, que justificou a sua decisão com uma ameaça iminente à segurança pública, na sequência de incidentes ocorridos em manifestações semelhantes.

Espanha

Centenas de pessoas percorreram as ruas de Barcelona expressando o seu apoio ao povo palestiniano. Entre os manifestantes, encontravam-se cidadãos palestinianos acompanhados por imigrantes de outros países árabes, bem como espanhóis.

O protesto começou no bairro de Raval, onde vive uma grande comunidade árabe, e terminou em frente ao edifício da representação regional da União Europeia no centro da cidade.

Reino Unido

Milhares de pessoas reuniram-se no centro de Londres para um protesto pró-palestiniano, apesar da polícia ter avisado que quem mostrasse apoio ao Hamas poderia ser preso. Os participantes, que se reuniram perto da sede da BBC News durante a manhã, iniciaram uma marcha pela capital britânica antes de uma manifestação à tarde perto do Parlamento e do gabinete e residência do Primeiro-Ministro Rishi Sunak em Downing Street.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Navio de cruzeiro com 1500 passageiros retido em Barcelona porque 69 bolivianos têm vistos falsos

Dani Alves libertado sob fiança após pagar caução de um milhão de euros

Dani Alves em liberdade provisória com caução de um milhão de euros