Rússia sem avanços significativos na região ucraniana de Avdiivka

Arquivo
Arquivo Direitos de autor LIBKOS/Copyright 2023 The AP. All rights reserved.
De  Oleksandra Vakulina
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Instituto para o Estudo da Guerra acredita que Putin, pode estar a tentar moderar as expectativas de avanços russos significativos.

PUBLICIDADE

O Presidente russo, Vladimir Putin, pode estar a tentar moderar as expectativas de avanços russos em torno de Avdiivka, na região de Donetsk,  avança o Instituto para o Estudo da Guerra (ISW) na sua última atualização.

Diz o grupo de reflexão que bloggers militares russos começaram por fazer afirmações maximalistas e não verificáveis de avanços russos superiores a 10 km. O ISW explica que, provavelmente, exageraram o nívl de sucesso russo perto de Avdiivka durante as operações ofensivas iniciais e expressaram otimismo quanto a rápidos avanços russos.

Alguns deles reconheceram entretanto dificuldades russas perto de Avdiivka e notaram mesmo que as forças russas diminuíram o ritmo das operações ofensivas em torno da povoação

Os bloggers militares russos começaram também a afirmar que estão a decorrer combates intensos e atribulados em torno de Avdiivka, onde as forças russas ainda não conseguiram obter mais ganhos, num contexto de provável diminuição do ritmo.

O Estado-Maior ucraniano informou que as forças ucranianas repeliram mais de 15 ataques russos perto de Avdiivka, bem como a noroeste e sudoeste da povoação. A ISW ainda não teve confirmação visual de alegações anteriores de avanços russos na área ou imagens geolocalizadas de quaisquer outros ganhos russos

Além disso, o Instituto para o Estudo da Guerra afirma que é pouco provável que consigam fazer avanços significativos ou isolar as forças ucranianas na zona a curto prazo, e que eventuais avanços em grande escala exigiriam provavelmente um empenho significativo e prolongado de pessoal e de material.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Plataforma Internacional da Crimeia reunida em Praga

Zelenskyy diz que a Ucrânia vai responder ao ataque russo contra Kharkiv

Rússia a caminho de rasgar tratado que proíbe ensaios nucleares