Europa ainda sofre com a tempestade "Ciarán" e já sente os efeitos da "Domingos"

Ruas inundadas em várias cidades de diferentes países da Europa
Ruas inundadas em várias cidades de diferentes países da Europa Direitos de autor Gregorio Borgia/Copyright 2023 The AP.
De  Francisco Marques
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Europa ainda não se refez da passagem da tempestade "Ciarán", que já soma 19 mortos, e já sente os efeitos da "Domingos"

PUBLICIDADE

A tempestade "Domingos" chega este sábado à Europa, num momento em que o velho continente ainda nem se refez ainda da passagem da "Ciarán", que já soma 19 vítimas mortais no rasto que está a deixar pela Europa ocidental.

A região de Veneto, em Itália, onde se localiza Veneza, esteve em alerta vermelho toda a noite devido à subida do nível das águas.

A região mais afetada tem sido, no entanto, a Toscana, onde a intempérie provocou pelo menos sete mortes.

O corpo de uma pessoa que estava incontável, um homem de 69 anos, foi encontrado este sábado de manhã e ainda haverá uma outra em parte incerta.

Em Seano, havia esta manhã pelo menos mil pessoas a precisar de bens alimentares e, no município de Carmignano havia quase 15 mil pessoas sem água potável em casa.

O governo italiano tinha declarado o Estado de Emergência nesta província e previu o envio de ajuda adicional, avaliada em vários milhões de euros.

Só na Toscana, o presidente do governo regional, entre danos públicos e privados, estima prejuízos parciais de 300 milhões de euros.

A situação é descrita como "sem precedentes". Nalgumas áreas, em apenas três horas, choveu o equivalente a um mês.

"Domingos" a aterrar

Em França, onde uma mulher de 43 anos foi apanhada pelas ondas e morreu em Sugiton, o balanço de vítimas da "Cairán" soma agora três óbitos.

Entretanto, fazem já sentir-se no "hexágono" os ventos da tempestade "Domingos", que a Météo-France estima ser menos violenta do que a "Ciarán", mas ainda assim com ventos que podem chegar aos 130 km/hora. 

Pelo menos 11 departamentos gauleses estão, este sábado, sob alerta laranja devido à previsão de ventos fortes, inundações ou ondulação agitada na costa atlântica. 

Na sexta-feira, na Córsega os rios transbordaram e as ruas ficaram, completamente inundadas, houve árvores arrancadas do chão, num cenário de caos. Um rasto de destruição visível também nos países dos Balcãs.

A partir deste sábado à tarde, os ventos vão voltar a soprar fortes também em Espanha e Portugal, mas não se prevê que a "Domingos" se apresente na Península Ibérica tão forte quanto a "Ciarán", que contabilizou quatro mortos no litoral português e um em Madrid.

Além destes, há ainda a lamentar dois óbitos na Bélgica, um na Alemanha e outro nos Países Baixos.

Outras fontes • AFP, AP, Ansa, Lusa

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tempestade "Ciarán" deixa pelo menos 12 mortos na Europa e a "Domingos" chega sábado

Ciarán faz pelo menos seis mortos na Europa

Buraco abre-se em rua de Nápoles e engole dois carros