Parlamento Europeu presta homenagem a Mahsa Amini e às mulheres do Irão

Entrega do Prémio Sakharov 2023 no parlamento europeu, em Estrasburgo
Entrega do Prémio Sakharov 2023 no parlamento europeu, em Estrasburgo Direitos de autor Jean-Francois Badias/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
De  João Peseiro Monteiro
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O Prémio Sakharov para a Liberdadede de Pensamento presta tributo à jovem iraniana que morreu na prisão dias depois de ser detida por não cobrir os cabelos corretamente.

PUBLICIDADE

As mulheres do Irão receberam o tributo do Parlamento Europeu.

O prémio Sakharov 2023 foi atribuído ao movimento iraniano "Mulheres, Vida e Liberdade" e, a título póstumo, à jovem Mahsa Amini, que morreu na prisão três dias depois de ter sido detida pela polícia dos Costumes por não cobrir os cabelos de forma correta.

A presidente do parlamento Europeu, Roberta Metsola, elogiou a coragem das mulheres iranianas:

"Este tratamento é mais um exemplo do que o povo do Irão enfrenta todos os dias. Permitam-me que diga que a coragem e a resiliência das mulheres iranianas, nas suas lutas pela justiça, pela liberdade e pelos direitos humanos, não serão travadas. As suas vozes não podem ser silenciadas e, embora não estejam aqui hoje, a sua presença far-se-á sentir."

A morte de Mahsa Amini em setembro do ano passado desencadeou uma onda de contestação ao regime sem precedentes.

Os familiares de Mahsa estão impedidos de sair do país e não puderam deslocar-se a Estrasburgo esta terça-feira.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Duas jornalistas codenadas no Irão por divulgarem a morte de Mahsa Amini

Prémio Sakharov 2023 para Mahsa Amini e o Movimento "Mulheres, Vida e Liberdade" no Irão

Um ano depois da morte de Masha Amini