Ataque de larga escala com drone faz dois feridos em Kiev

O drone atingiu três apartamentos num arranha-céus
O drone atingiu três apartamentos num arranha-céus Direitos de autor Evgeniy Maloletka/Copyright 2020 The AP. All rights reserved
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Um drone russo atingiu um prédio em Kiev na quinta-feira à noite, destruindo três apartamentos. Duas pessoas ficaram feridas.

PUBLICIDADE

Um drone atingiu um prédio em Kiev, na quinta-feira à noite, provocando a destruição de três apartamentos, adiantou a Administração Militar da capital ucraniana.

Duas pessoas ficaram feridas durante o ataque russo, uma delas foi hospitalizada.

A guerra na Ucrânia tem sido marcada pelo uso de drones kamikaze por ambas as partes para tentarem alcançar objetivos. Vinte e dois meses após a invasão, Moscovo controla cerca de um quinto da Ucrânia, e a linha da frente praticamente não sofreu alterações este ano.

O presidente francês, Emmanuel Macron, sublinhou que o Ocidente não pode "deixar a Rússia vencer" na Ucrânia e que o apoio a Kiev deve continuar "custe o que custar".

"Não podemos deixar a Rússia vencer. Como seria o dia de amanhã para nós, europeus?Continuaremos, portanto, a ajudar os ucranianos. Aquilo que estamos a fazer, mesmo que nos custe, é determinante para a nossa segurança futura", defendeu.

Mesmo com uma guerra em curso os ucranianos vão festejar o Natal. A grande maioria vai celebrar no dia 25 de dezembro.

De acordo com um estudo divulgado esta semana, mais de 60% dos ucranianos planeia celebrar o Natal em 25 de dezembro. Já um quarto dos inquiridos neste estudo pretende celebrar o Natal duas vezes: em 25 de dezembro e 7 de janeiro.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Kiev vai mobilizar ucranianos a viver no estrangeiro e pondera sanções para quem não cumprir

Guerra de drones na Ucrânia

Drones ucranianos abatidos sobre a Crimeia