Papa Francisco reitera apelos à paz na Ucrânia e no Médio Oriente no primeiro Angelus do ano

Papa celebrou uma missa solene, por ocasião do 57º Dia Mundial da Paz, na Basílica de S. Pedro
Papa celebrou uma missa solene, por ocasião do 57º Dia Mundial da Paz, na Basílica de S. Pedro Direitos de autor Andrew Medichini/Copyright 2024 The AP. All rights reserved.
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

No primeiro Angelus do ano, o Papa Franciso reforçou os apelos à paz na Ucrânia e no Médio Oriente e disse estar atento à situação no Nicarágua.

PUBLICIDADE

O Papa Francisco reiterou os apelos para que os fiéis rezem pela paz na Ucrânia e no Médio Oriente durante a tradicional benção do Angelus, que se realiza todos os domingos, ao meio-dia, na Praça de São Pedro.

A Igreja Católica dedica este primeiro dia do ano à Virgem Maria e por isso a mensagem deste primeiro Angelus do ano foi centrado nas mulheres e nas mães.

Francisco afirmou que "o amor nunca sufoca" e é contrário a "todas as formas de posse ou abuso".

O líder da Igreja Católica também disse estar a acompanhar a situação na Nicarágua, referindo que bispos e sacerdotes foram "privados da sua liberdade", após uma nova onda de prisões e restrições às manifestações religiosas no país.

Minutos antes, celebrou, por ocasião do 57º Dia Mundial da Paz, uma missa solene na Basílica de S. Pedro dedicada aos riscos da Inteligência Artificial.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Papa Francisco diz que guerras são "loucura sem justificação"

Com o "coração em Belém", Papa Francisco lamenta guerra durante a missa do galo

Papa Francisco apela à solidariedade com as vítimas das guerras