"Nunca se cansou de construir pontes": Líderes europeus prestam última homenagem a Jacques Delors

Caixão do antigo presidente da Comissão Europeia estava coberto com a bandeira francesa
Caixão do antigo presidente da Comissão Europeia estava coberto com a bandeira francesa Direitos de autor Stephanie Lecocq/AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os líderes da União Europeia despediram-se esta sexta-feira do antigo presidente da Comissão Europeia, Jacques Delors, que morreu a 27 de dezembro aos 98 anos, num funeral de Estado.

PUBLICIDADE

Os líderes europeus juntaram-se ao Presidente francês, Emmanuel Macron, para prestar homenagem esta sexta-feira a Jacques Delors, que morreu a 27 de dezembro aos 98 anos, num funeral de Estado.

Emmanuel Macron conduziu a cerimónia no histórico monumento Les Invalides. O chefe de Estado francês falou na jornada de Delors desde a política francesa local até ao topo do poder europeu.

"Jacques Delors nunca se cansou de encontrar alternativas, de contruir pontes, sempre trabalhando para aquele horizonte imutável que mais importava acima de tudo: a dignidade humana", referiu Macron, junto ao caixão do antigo presidente da Comissão Europeia coberto com a bandeira francesa.

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, e a presidente do Parlamento Europeu, Roberta Metsola, foram algumas das personalidades europeias presentes. Do lado português foram Marcelo Rebelo de Sousa, Cavaco Silva e Durão Barroso, além de líderes nacionais de toda a Europa, incluindo o primeiro-ministro belga Alexander De Croo e o primeiro-ministro holandês Mark Rutte, bem como primeiro-ministro húngaro Viktor Orban.

Ao som do hino do União Europeia, os líderes do bloco comunitário disseram o último adeus ao antigo ministro das Finanças francês, descrito por muitos como um visionário.

Jacques Delors desempenhou um papel transformador durante o maior período de integração da União Europeia com a criação do mercado único e do euro.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Visionário", "incansável", "um gigante": as reações à morte de Jacques Delors

Jacques Delors, o arquiteto da União Europeia moderna

Antigo presidente da Comissão Europeia Jacques Delors morre aos 98 anos