Ministério Público recebe comunicação da PSP sobre protesto no Capitólio

Polícias portugueses em protesto
Polícias portugueses em protesto Direitos de autor AP Photo/Armando Franca
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A manifestação de segunda-feira, organizada pela plataforma que junta sindicatos da PSP e GNR, só foi autorizada para o Terreiro do Paço.

PUBLICIDADE

Milhares de agentes da PSP e da GNR manifestaram-se na noite de segunda-feira em Lisboa. O protesto aconteceu no exterior do Teatro Capitólio, onde decorreu o debate televisivo entre os líderes do PS e do PSD, na antecipação das eleições legislativas marcadas para o próximo mês.

Os agentes gritaram "polícias unidos jamais serão vencidos", "vergonha", "respeito" e cantaram o hino nacional. Dirigiram-se para o local, depois de uma concentração que juntou cerca de 3.000 pessoas na Praça do Comércio, junto ao Ministério da Administração Interna.

A manifestação, organizada pela plataforma que junta sindicatos das duas policias só foi autorizada para o Terreiro do Paço e, por essa razão, a PSP  anunciou que vai apresentar queixa no Ministério Público.

As principais reivindicações dos agentes da PSP e da GNR são um aumento no salário de base, melhores perspetivas de evolução na carreira e a equiparação dos subsídios de risco aos pagos à Polícia Judiciária.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

As cinco divergências do frente a frente entre Luís Montenegro e Pedro Nuno Santos

Greve em Itália após explosão mortal em central hidroelétrica

Detidos suspeitos de morte de menina de dois anos