Fábrica alemã da Tesla suspende produção após suspeita de fogo posto

Fábrica alemã da Tesla suspende produção após suspeita de fogo posto
Fábrica alemã da Tesla suspende produção após suspeita de fogo posto Direitos de autor AP Photo
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A fábrica da Tesla de Grünheide interrompeu a produção, após um corte na energia. O “Grupo Vulcão” disse ter sido responsável pelo “ataque à rede elétrica”.

PUBLICIDADE

A fábrica de veículos elétricos da Tesla na Alemanha, que se localiza nas proximidades de Berlim, ficou sem energia e interrompeu a produção, esta terça-feira.

O "Grupo Vulcão", que é classificado como extremista de esquerda, reivindicou a responsabilidade pelo "ataque à rede elétrica" numa carta, segundo as agências internacionais. No entanto, a veracidade da mesma está, ainda, a ser investigada pela polícia.

Nas primeiras horas da manhã, um poste de alta tensão, entre Steinfurt e Hartmannsdorf, incendiou-se, o que terá levado aos cortes de energia na fábrica da Tesla de Grünheide, mas também noutras comunidades vizinhas. As autoridades responsáveis pela investigação estão a assumir a hipótese de fogo posto.

"Se as primeiras conclusões se confirmarem, trata-se de um ataque pérfido às nossas infraestruturas elétricas", declarou o ministro do Interior de Brandeburgo, Michael Stübgen, citado pelas agências internacionais, acrescentando que "isto terá consequências. Milhares de pessoas foram privadas do seu abastecimento básico e colocadas em perigo”.

Também em 2021, o “Grupo Vulcão" reivindicou a responsabilidade por um incêncio que deflagrou no local onde foi construída a atual fábrica da Tesla em Grünheide.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Quatro mortos e 21 feridos em incêndio num lar de idosos na Alemanha

Tesla vai construir nova fábrica na China

Elon Musk visita fábrica da Tesla na Alemanha