Depressão Nelson traz inundações e falhas de energia a Portugal, Grande Lisboa é região mais afetada

Inundação em Algés
Inundação em Algés Direitos de autor Armando Franca/Copyright 2022 The AP. All rights reserved
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Chuva, vento forte e trovoada provocaram inundações, queda de árvores e de estruturas, e cortes de energia. Entre a noite de quarta-feira e a manhã desta quinta-feira foram registadas mais de mil ocorrências. Grande Lisboa é a região mais afetada. Mau tempo deverá continuar pelo menos até domingo.

PUBLICIDADE

Entre a noite de quarta-feira e a manhã desta quinta-feira foram registadas mais de mil ocorrências em Portugal continental devido ao mau tempo. A Grande Lisboa foi a região mais afetada, juntamente com o litoral norte e centro, segundo a Proteção Civil. 

Na capital e arredores, a chuva intensa provocou inundações, queda de árvores e engarrafamentos no trânsito.

Na rua das Pretas, perto da Avenida da Liberdade, a subida das águas arrastou caixotes do lixo.

Na Grande Lisboa, mais de metade dos incidentes estiveram relacionados com cheias e quedas de árvores.

Estragos a norte

Também na região norte a depressão Nelson fez estragos. Na Foz, zona ocidental da cidade do Porto, as fortes rajadas de vento derrubaram árvores, que acabaram por atingir alguns carros. 

Houve igualmente falhas de energia em Bragança e Vila Real. Segundo afirmou a empresa E-REDES à agência Lusa, a chuva e vento fortes causaram avarias em linhas de média e baixa tensão nos dois distritos transmontanos. 

Quatro navios cruzeiro cancelados na Madeira

O mau tempo que se faz sentir na Madeira ditou o cancelamento da visita de quatro navios cruzeiro -  MSC Armonia, Silver Dawn, Azamara Quest e Sea Cloud Spirit, segundo disse a administração dos portos desta região autónoma ao Jornal da Madeira

Com o AIDAstella e o Viking Star já acostados no Funchal, está terminado o movimento de cruzeiros no porto da capital madeirense nesta semana de Páscoa.

Alerta especial mantém-se esta quinta-feira

Portugal volta a estar sob aviso amarelo esta quinta-feira por causa da chuva, vento forte e neve nas terras altas. É também possível que ocorra trovoada. O mau tempo estende-se até ao domingo de Páscoa, informa o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IMPA). 

A costa de Portugal continental permanecerá sob aviso laranja até à madrugada de sábado, com as ondas a poderem alcançar os 12 metros de altura, segundo o IPMA. Nos pontos mais altos, em alguns períodos, poderá cair neve abaixo dos mil metros de altitude. 

A Proteção Civil alertou para o piso rodoviário escorregadio devido à possibilidade de acumulação de gelo, neve e formação de lençóis de água, e de queda de neve em áreas onde o fenómeno não ocorre com frequência.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Risco de cheias ainda preocupa norte e centro da Europa

Fim de ano estragado: cheias causam cancelamento de comboios Eurostar

Espanha remove barragens para evitar cheias e proteger biodiversidade (com o apoio da UE)