Nova ronda de ajuda humanitária marítima partiu do Chipre em direção a Gaza

Nova ronda de ajuda humanitária marítima partiu do Chipre em direção a Gaza
Direitos de autor AP Photo/Petros Karadjias)
Direitos de autor AP Photo/Petros Karadjias)
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A World Central Kitchen disse que os alimentos enviados são suficientes para preparar mais de um milhão de refeições.

PUBLICIDADE

Um conjunto de três navios zarpou do porto cipriota de Larnaca, no sábado, com 400 toneladas de alimentos e outros suplementos alimentares, numa altura em que a fome aumenta no território sitiado pelas forças israelitas.

Grande parte dos alimentos estão prontos para consumir, como arroz, massas, farinhas, legumes, vegetais enlatados e proteínas. Também foram enviadas milhares de tâmaras, fruto que é consumido para quebrar o jejum diário durante o mês sagrado do Ramadão.

A organização de ajuda americana World Central Kitchen disse que o navio Jennifer deveria seguir a mesma rota da viagem inaugural feita no início do mês entre Chipre-Gaza pelo navio Open Arms que entregou 200 toneladas de comida e água.

As Nações Unidas e os seus parceiros alertaram que a fome está a aumentar em áreas devastadas pelas forças israelitas, em grande parte, zonas isoladas do norte de Gaza.

As autoridades humanitárias dizem que as entregas por mar e ar não são suficientes e que Israel deve permitir muito mais ajuda por estrada. O Tribunal Internacional de Justiça da ONU ordenou Israel a abrir mais passagens por terra e que tome outras medidas para enfrentar esta crise humanitária.

Os combates deslocaram mais de 80% da população de Gaza e levaram centenas de milhares à beira da fome, segundo a ONU e as agências internacionais de ajuda.

Os militares de Israel disseram que continuaram a atacar dezenas de alvos em Gaza, dias depois do Conselho de Segurança das Nações Unidas emitir a sua primeira resolução para um cessar-fogo.

Durante um lançamento humanitário aéreo na sexta-feira, os militares dos EUA disseram que lançaram mais de 455 mil quilos de alimentos, como parte de um esforço de ajuda multinacional.

Partilhe esta notíciaComentários