EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Ataque aéreo causa pelo menos nove mortos em Rafah

Ataque em Rafah
Ataque em Rafah Direitos de autor Ismael Abu DayyahAP Photo
Direitos de autor Ismael Abu DayyahAP Photo
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Nove pessoas morreram em ataque aéreo em Rafah, seis delas crianças. O exército israelita anunciou que matou dez combatentes na Cisjordânia ocupada.

PUBLICIDADE

Pelo menos nove palestinianos, incluindo seis crianças, morreram num ataque aéreo israelita no distrito ocidental de Tel Sultan, na cidade de Rafah, na Faixa de Gaza. O ataque atingiu um prédio residencial, disse a defesa civil de Gaza. Rafah atualmente abriga mais da metade da população total de Gaza, cerca de 2,3 milhões de pessoas, a maioria das quais foram deslocadas pelos combates no resto da Faixa.

Ataques a Rafah e ao campo de refugiados de Bureji

Entre as vítimas estão Abdel-Fattah Sobhi Radwan, a sua esposa Najlaa Ahmed Aweidah e três filhos, disse o cunhado Ahmed Barhoum à AP.

Barhoum perdeu a esposa, Rawan Radwan, e a filha de 5 anos, Alaa. "Eles bombardearam uma casa cheia de pessoas deslocadas, mulheres e crianças, desta forma", disse Ahmed Barhoum.

O exército israelita lançou outro ataque a Rafah durante a noite de sexta-feira para sábado, mas nenhuma baixa foi relatada. Na manhã de sábado, um ataque aéreo israelita atingiu uma casa no campo de refugiados urbano de Bureji, no centro de Gaza, matando pelo menos um homem e ferindo outros dois, de acordo com as autoridades do Hospital dos Mártires de al-Aqsa em Deir al-Balah, onde um jornalista da AP viu as vítimas.

Padaria reabre na cidade de Gaza

Um vislumbre de esperança chegou à Faixa graças ao apoio do Programa Alimentar Mundial: uma padaria na Cidade de Gaza reabriu pela primeira vez desde o início da guerra. A fome paira sobre a Faixa de Gaza e organizações internacionais insistem que a situação continua alarmante. A ajuda vem com dificuldade e a farinha que chegou nos últimos dias tem sido usada para retomar as atividades na padaria na cidade de Gaza.

Luta na Cisjordânia: pelo menos dez mortos

O exército israelita afirmou ter matado 10 combatentes no ataque a Nur Shams, na Cisjordânia ocupada. Vários soldados das Forças de Defesa de Israel ficaram feridos, disseram as autoridades de saúde palestinianas. Uma das vítimas mortais foi um menino de 15 anos, morto a tiros. O grupo militante da Jihad Islâmica confirmou a morte de três membros.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Escandaloso", "vergonhoso": EUA reagem a mandado de captura de Netanyahu e líderes do Hamas

Israel: aumenta a tensão entre ministro da defesa e Netanyahu

Centenas de pessoas reuniram-se em Paris para acender velas após ataque a uma sinagoga