EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

FMI revê em baixa crescimento do PIB da Itália no biénio 2016-2017

FMI revê em baixa crescimento do PIB da Itália no biénio 2016-2017
Direitos de autor 
De  Francisco Marques
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O Fundo Monetário Internacional reviu em baixa o crescimento económico da Itália.

PUBLICIDADE

O Fundo Monetário Internacional reviu em baixa o crescimento económico da Itália. De acordo com o FMI, o Produto Interno Bruto (PIB) italiano vai crescer apenas um por cento este ano — uma décima abaixo da anterior previsão. Também a estimativa para 2017 foi revista de 1,25 para os mesmos um por cento deste ano.

Efeito 'Brexit': FMI corta projeções para economia italiana. Leia mais em: https://t.co/nkZnNyayQc#Brexit#italianbanks

— ANSA Brasil (@ansa_br) 11 de julho de 2016

As revisões do FMI surgem cerca de três semanas após o referendo que ditou a saída do Reino Unido da União Europeia. Embora o famoso “Brexit” ainda não seja uma realidade — o processo está ainda nos primeiros passos e poderá levar até dois anos — os efeitos negativos já se estão a fazer sentir em ambos os lados.

Portugal está também sob ameaça de apanhar com alguns estilhaços, mas é a Itália que está no centro das preocupações com a dívida pública nominal mais alta da zona euro e uma banca malparada.

IMF Executive Board Concludes 2016 annual review of Italian economy: growth revised down on Brexit uncertainty – https://t.co/bAMyO8yAUq

— IMF (@IMFNews) 11 de julho de 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Alternativa ao lítio: Pode o manganésio substituir as baterias de lítio dos veículos elétricos?

Banco Central Europeu corta taxas de juro em linha com as expetativas do mercado

Riqueza das nações: o fosso cada vez maior entre ricos e pobres na Europa