EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Reserva Federal não deverá mexer nas taxas de juro para já

Reserva Federal não deverá mexer nas taxas de juro para já
Direitos de autor 
De  Euronews com reuters
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O banco central deve preparar o terreno para uma subida das taxas de juro de referência em dezembro.

PUBLICIDADE

Inicio de dois dias de reunião da Reserva Federal norte-americana em que os analistas não esperam mexidas na política monetária, mas que o banco central prepare o terreno para uma subida das taxas de juro de referência em dezembro, tendo em conta os sinais que a recuperação económica está a ganhar força.

What to watch at this week’s Fed meeting https://t.co/EyEvklZBFX

— Wall Street Journal (@WSJ) November 1, 2016

Em setembro, a presidente da Reserva Federal, Janet Yellen, antecipou uma subida das taxas antes do final do ano se o emprego e a inflação continuassem a reforçar-se, como veio a acontecer. O crescimento também acelerou no terceiro trimestre para 2,9% em termos anuais, depois de um avanço lento na primeira metade do ano.

Uma das razões que leva os analistas a considerarem ser pouco provável que a Fed suba já as taxas de juro é que a reunião decorre na semana anterior às eleições presidenciais norte-americanas e qualquer movimento da parte do banco central poderia ter implicações políticas complicadas.

Election will push Fed rate hike to December, say CNBC survey respondents https://t.co/vvwkIkis6p

— CNBC (@CNBC) November 1, 2016

Em dezembro do ano passado, a Reserva Federal subiu as taxas de juro diretoras pela primeira vez em quase uma década, fixando-as entre 0,25 e 0,5%.

Os resultados da reunião serão conhecidos esta quarta-feira à tarde.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Exportações e consumo dinamizam PIB norte-americano antes das eleições

Fed: Yellen defende-se das acusações de Trump

Alternativa ao lítio: Pode o manganésio substituir as baterias de lítio dos veículos elétricos?