EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Bae Systems vai despedir cerca de 1900 trabalhadores

Bae Systems vai despedir cerca de 1900 trabalhadores
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

É um dos maiores fabricantes de armamento no mundo e prepara-se para reduzir o número de postos de trabalho em nome da competitividade

PUBLICIDADE

A companhia de defesa britânica Bae Systems admite reduzir cerca de 1900 postos de trabalho nas áreas militar, marítima e de inteligência ao abrigo de um programa de restruturação para aumentar a competitividade.

O grupo britânico, um dos maiores fabricantes de armamento no mundo – que emprega cerca de 35 mil pessoas no Reino Unido – explica em comunicado que a redução do número de trabalhadores vai ser feita ao longo dos próximos três anos, em diferentes fábricas. Duas – Warton e Samlesbury – estão localizadas no norte de Inglaterra e estão ligadas à produção de componentes para aviões Eurofighter Typhoon. Uma decisão que a fabricante justifica com a diminuição de pedidos destes aparelhos de combate.

Os sindicatos britânicos já criticam os cortes anunciados pela Bae Systems e defendem que a medida vai enfraquecer a capacidade de defesa do Reino Unido.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Alternativa ao lítio: Pode o manganésio substituir as baterias de lítio dos veículos elétricos?

Banco Central Europeu corta taxas de juro em linha com as expetativas do mercado

Riqueza das nações: o fosso cada vez maior entre ricos e pobres na Europa