EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Bitcoin à beira da fasquia dos 10 mil dólares

Bitcoin à beira da fasquia dos 10 mil dólares
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A criptomoeda registou uma subida de 40% em duas semanas para atingir o valor de $9679.51.

PUBLICIDADE

O câmbio da moeda virtual Bitcoin está à beira de ultrapassar a fasquia histórica dos 10 mil dólares. A criptomoeda criada pelos ativistas da Internet à sombra do site Wikileaks não resiste a uma popularidade reforçada pelo período do "Black Friday" e o dia de ação de graças nos Estados Unidos, mas também pela adesão de investidores institucionais, com a anunciada criação de um novo índice de futuros do Bitcoin em Chicago.

Desde o início do ano, que o valor da unidade monetária virtual se multiplicou quase por dez, depois de uma subida de 40% em duas semanas, para situar-se nos $9679.51 dólares esta segunda-feira.

Segundo o analista James Hughes, "um dos maiores riscos é que a bolha rebente, mas não sabemos quando. Pode acontecer a qualquer momento e não há qualquer razão para tal neste momento. O Bitcoin, por natureza, continua a ser algo difícil de prever".

A escalada da moeda deve-se também ao mercado especulativo japonês, um grande investidor nas criptomoedas.

No Zimbabué, e a título de exemplo, o valor do Bitcoin atinge os 17.800 dólares quando os investidores procuram um refúgio seguro após o golpe militar que derrubou o presidente Robert Mugabe.

Atualmente, as chamadas criptomoedas movimentam cerca de 285 mil milhões de dólares, dos quais mais de metade circulam através dos 13 milhões de contas em Bitcoins. Outra divisa virtual, o Ethereum, quebrou igualmente um novo recorde ao atingir o valor de 485 dólares no domingo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Alternativa ao lítio: Pode o manganésio substituir as baterias de lítio dos veículos elétricos?

Banco Central Europeu corta taxas de juro em linha com as expetativas do mercado

Riqueza das nações: o fosso cada vez maior entre ricos e pobres na Europa