EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Japão vai retomar a caça comercial de baleias

Japão vai retomar a caça comercial de baleias
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Tóquio anunciou a saída da comissão que regula a atividade baleeira

PUBLICIDADE

O Japão vai sair da Comissão Baleeira Internacional e vai retomar a caça comercial de baleias em julho do próximo ano.

O país era membro da comissão desde 1951. No último encontro do grupo tentou derrubar a proibição de caça mas foi derrotado em votação. Com esta saída, o Japão junta-se à Islândia e à Noruega, os únicos países que praticam a caça de baleia para fins comerciais.

Segundo Yoshihide Suga, porta-voz do governo nipónico, a decisão surge por falta de consenso dentro da organização.

"Os países que se concentram exclusivamente na proteção de baleias não chegaram a um acordo sobre medidas concretas para alcançar uma posição comum. Tomámos esta decisão porque no encontro da Comissão Baleeira Internacional, em setembro, tornou-se óbvio que não é possível a coexistência de países com diferentes pontos de vista".

Depois do anúncio, Yoshihide Suga revelou que o país fica ligado à Comissão enquanto observador e garantiu que Tóquio continua comprometido com a gestão dos recursos marinhos.

A decisão do Japão está a ser alvo de duras críticas por parte da comunidade internacional e de organizações de defesa dos direitos dos animais.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rússia criticada por libertação de baleias

Elon Musk obtém apoio dos acionistas para um pacote salarial de 52 mil milhões de euros

China já reagiu a decisão de União Europeia sobre tarifas nos carros elétricos