EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Ryanair anuncia encerramento de bases aeroportuárias

Ryanair anuncia encerramento de bases aeroportuárias
Direitos de autor رويترز
Direitos de autor رويترز
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A empresa justifica decisão com atrasos na entrega de encomendas de aviões Boeing 737 MAX 200

PUBLICIDADE

A companhia aérea irlandesa de baixo custo Ryanair anunciou planos para a redução do número de voos ou encerramento de bases aeroportuárias no próximo inverno e no verão de 2020.

Na origem da decisão, diz a empresa, está a previsão de atrasos nas entregas de aviões Boeing 737 MAX 200, modelo que foi afetado por dois desastres aéreos.

O presidente executivo da companhia aérea, Michael O’Leary, disse, no entanto, que se mantém a encomenda de 135 aeronaves a serem entregues nos próximos cinco anos.

A Ryanair sublinhou que a medida terá impacto nos empregos e reduziu as previsões de aumento de passageiros no próximo verão de 7% para 3%.

Os acidentes com dois aviões Boeing 737 MAX 200, na Etiópia e na Indonésia, obrigaram a alterações nos aparelhos e nas novas unidades que estão a ser fabricadas pela construtora aeronáutica. Terão ainda de ser certificados pelas autoridades europeias e norte-americanas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Greves e despedimentos na Ryanair: o que está em causa?

BMW, Jaguar e Volkswagen criticadas por importarem peças e automóveis chineses proibidos

Microsoft compromete-se a investir 4,3 mil milhões de dólares em França