EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Novo coronavírus infeta Economia Europeia

Novo coronavírus infeta Economia Europeia
Direitos de autor euronews
Direitos de autor euronews
De  Nara Madeira
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Economia Europeia caminha para uma forte recessão devido à pandemia de Covid-19.

PUBLICIDADE

A primeira estimativa do Eurostat diz que a pandemia de Covid-19 afundou a economia europeia, que caminha para uma forte recessão. É a maior queda, em termos trimestrais, registada desde 1995.

Na zona Euro o PIB terá caído 3,8 por cento, entre janeiro e março deste ano, e em relação ao mesmo período de 2019. Já entre os 27 Estados-membros da União Europeia a quebra será de 3,5 por cento.

O ministro do Trabalho alemão diz que este é um ponto de viragem para a economia do país. Que se trata de um desafio histórico. Hubertus Heil acrescenta que a economia global, e também a da Alemanha, está a ser confrontada com a maior queda em termos económicos da sua história e que espera a "pior recessão na história do pós-guerra".

A maior parte dos países da Europa entrou em confinamento em março, ou seja, no final do primeiro trimestre, o suficiente para alguns deles caírem em recessão após uma ligeira quebra no final do ano passado.

A economia espanhola caiu mais de 5%. A italiana perdeu 4,7% de janeiro a março, a francesa 5,8%. Os dois últimos países estão em recessão após dois trimestres consecutivos de crescimento negativo.

Giuseppe Conte não é mais otimista, e esclarece que o orçamento prevê outro cenário de risco que não pode ser excluído, o de persistir o cenário de pandemia que poderá levar a uma contração do PIB italiano em 10,6% em 2020.

A presidente do Banco Central Europeu diz que as coisas ainda podem piorar. "Os cenários de crescimento previstos pela equipa do BCE sugerem que o PIB da zona euro poderá cair entre 5 e 12% este ano", afirmou Lagarde.

Isso dependerá do comportamento do novo coronavírus mas também da duração das medidas de confinamento e das respostas políticas à pandemia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Dia dos trabalhadores da linha da frente

Centeno diz que plano para recuperar economia da UE terá de ser de "biliões"

Elon Musk obtém apoio dos acionistas para um pacote salarial de 52 mil milhões de euros