Elon Musk volta a querer ser dono do Twitter

Elon Musk tinha retirado a poposta de compra do Twitter em Julho
Elon Musk tinha retirado a poposta de compra do Twitter em Julho Direitos de autor ARQUIVO Susan Walsh/AP
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O milionário preparava-se para enfrentar a empresa em tribunal por quebra de contrato

PUBLICIDADE

Elon Musk dá - outra vez - o dito pelo não dito e volta a por na mesa a oferta de compra do Twitter. Assim que a notícia foi divulgada, as ações da empresa dispararam quase 13% na bolsa de Nova Iorque. Foram depois suspensas de negociação para prevenir especulações.

É a segunda vez que o milionário se propõe a comprar a companhia norte-americana.

Seth Wenig/AP
Ações valorizaram 12,67% antes de ser suspensa a negociação por "notícias pendentes"Seth Wenig/AP

O negócio de 44 mil milhões de dólares foi anunciado em abril e rasgado em Julho. Elon Musk, também dono da Tesla, alegava que o Twitter desvirtuava a forma como contabilizava as contas falsas e preparava-se para responder em tribunal por quebra de contrato.

A primeira sessão estava marcada para o próximo dia 17 de outubro. A multa por rescisão indevida do contrato podia chegar aos 100 mil milhões de dólares - mais do dobro do valor da compra.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Mercedes-Benz recolhe 250 000 veículos devido a risco de incêndio

Uber Eats altera anúncio polémico da Super Bowl por brincar com alergias alimentares

Quem ultrapassou Elon Musk como a pessoa mais rica do mundo?