"In Jackson Heights": aos 86 anos, Wiseman continua a produzir documentários maravilhosos

"In Jackson Heights": aos 86 anos, Wiseman continua a produzir documentários maravilhosos
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Aos 86 anos, o realizador norte-americano Frederick Wiseman volta a encantar-nos com um documentário extraordinário sobre um bairro de Nova Iorque

PUBLICIDADE

Aos 86 anos, o realizador norte-americano Frederick Wiseman volta a encantar-nos com um documentário extraordinário sobre um bairro de Nova Iorque. Em Jackson Heights vivem pessoas de vários países, culturas e religiões e ouve-se falar 167 línguas.

A câmara de Wiseman percorre as ruas, entra nas lojas, filma trabalhadores, políticos, grupos de ajuda aos imigrantes e organizações LGBT.

A obra segue de perto a comunidade colombiana, uma das mais importantes do bairro.

Para fazer um documentário profundo e intimista, Wiseman usa, como sempre, dois ingredientes essenciais: tempo e calma. A intervenção do realizador é mínima. Não há narrador, nem banda sonora. Apenas as imagens, os sons e as palavras dos protagonistas.

O realizador retrata a preocupação dos comerciantes com o preço das rendas. A meia hora de metro do centro de Manhattan, Jackson Heights suscita o interesse dos grupos imobiliários.

Realizado por um dos grandes mestres do documentário contemporâneo, “Jackson Heights” é um filme maravilhoso e um excelente ponto de partida para uma reflexão sobre a democracia e as sociedades contemporâneas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Os grandes filmes dos Prémios do Cinema Europeu 2023

Monica Bellucci leva Maria Callas ao Festival de Cinema de Salónica

Realizador alemão Wim Wenders recebe Prémio Lumière em Lyon