Quem não tem medo no MOTELX?

Florence Pugh; Jack Reynor


DSCF9328.RAF
Florence Pugh; Jack Reynor DSCF9328.RAF Direitos de autor A24Gabor Kotschy / A24
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

E que melhor forma de assinalar uma sexta-feira 13, na 13a. edição deste festival, do que mostrar "Midsommar", pela mão do próprio realizador Ari Aster?

PUBLICIDADE

O mínimo que se pode dizer é que é inesperado o local escolhido para lançar o MOTELX deste ano. Ao fim da noite de quinta-feira, o Festival Internacional de Cinema de Terror ocupa o Museu de Arte Antiga, em Lisboa. Depois, há vários arrepios prometidos até 15 de setembro.

Haverá cenário mais aterrador do que uma catástrofe natural num planeta em rutura climática? O mote do MOTELX provoca-nos este e outros calafrios.

É o filme de terror do momento. Que melhor forma de assinalar uma sexta-feira 13, na 13a. edição deste festival, do que mostrar Midsommar pela mão do próprio realizador Ari Aster, autor do muito falado Hereditário?

Também Octavia Spencer vai certamente ficar cravada na memória de muitos espetadores no filme de abertura no Cinema São Jorge, em Lisboa. Num registado completamente inesperado, aqui está Ma.

Era impressionante há exatamente 40 anos. Continua a sê-lo, sobretudo na versão remasterizada, para assinalar o aniversário, que o MOTELX vai apresentar do mítico Alien, de Ridley Scott.

Entre 10 e 15 de setembro, só não sente emoções fortes quem não quiser.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

MoteLX premeia terror em Lisboa

A exposição de Burtynsky na Saatchi Gallery "abre a cortina" sobre o impacto da humanidade na Terra

A floresta foi a inspiração da nova exposição do fotógrafo francês Vincent Munier