EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Festival Sziget contra a guerra na Ucrânia

Festival Sziget
Festival Sziget Direitos de autor Zoltan Balogh/MTI - Media Service Support and Asset Management Fund
Direitos de autor Zoltan Balogh/MTI - Media Service Support and Asset Management Fund
De  Ádám Magyar
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Este ano, mais de dez artistas ucranianos atuam no festival. Não há artistas russos, mas o público da Rússia é bem vindo.

PUBLICIDADE

O festival Sziget, considerado o mais importante evento musical da Hungria, está contra a guerra na Ucrânia.

Este ano, mais de dez artistas ucranianos atuam no festival. A maior parte foi transportada para o evento por uma ONG criada por trabalhadores da indústria musical despedidos durante a guerra. Mais nem tudo são más notícias.

Sofiya Pylypenko, vocalista do grupo Promsonya, conta que as pessoas na Ucrânia interessaram-se mais pela música ucraniana do que antes. "Foi por isso que comecei a atuar mais e tenho ouvintes mensais em diferentes plataformas”, destaca.

No meio do público há muitos ucranianos que agora vivem longe de casa. A situação não foi esquecida pelo festival, que convidou a Agência da ONU para os Refugiados (ACNUR).

Ernő Simon, porta-voz da agência, explica que "já não se trata de distribuir alimentos ou cobertores na fronteira ou nos diferentes pontos de chegada. Ao fim de um ano e meio, trata-se de ajudar os refugiados a integrarem-se na sociedade”.

Ao contrário de 2022, este ano não há artistas russos no festival, mas os convidados russos continuam a ser bem vindos, como mostra o facto de a bandeira do país ainda estar exposta na entrada.

Tatiana nasceu na Rússia e agora vive em Budapeste. Não faltou ao festival. Conta que mudou de país por motivos profissionais. Diz que a Hungria é um país muito acolhedor.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Zarpou o primeiro cargueiro de porto ucraniano no Mar Negro usando nova rota marítima

Anora de Sean Baker vence Palma de Ouro em Cannes. Miguel Gomes recebe Melhor Realização com Grand Tour

Poetisa romena Ana Blandiana vence o Prémio Princesa das Astúrias de Literatura 2023