EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Retrato do rei Carlos III alvo de ativistas dos direitos dos animais

Retrato do rei Carlos III visado por activistas dos direitos dos animais
Retrato do rei Carlos III visado por activistas dos direitos dos animais Direitos de autor Animal Rising - X
Direitos de autor Animal Rising - X
De  David Mouriquand
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Artigo publicado originalmente em inglês

Os ativistas criticavam as normas de bem-estar do estatuto de "exploração assegurada" da RSPCA, sendo o Rei Carlos um patrono da instituição de caridade.

PUBLICIDADE

O primeiro retrato oficial do Rei Carlos III foi vandalizado por um grupo de ativistas britânicos dos direitos dos animais.

Os membros da Animal Rising, uma organização não violenta que luta por uma "transição urgente para um sistema alimentar sustentável e justo à base de plantas", colaram cartazes da série de filmes de animação Wallace e Gromit no quadro do monarca.

A organização afirmou ter "redecorado" o retrato de Jonathan Yeo na Galeria Philip Mould em Londres, que foi revelado no mês passado. É o primeiro desde a sua coroação e suscitou reacções mistas quando foi apresentado.

O rosto do soberano estava coberto por um cartaz com a cara da personagem de Wallace, acompanhado por um balão de diálogo que dizia: "Sem queijo, Gromit. Olha para toda esta crueldade nas quintas da RSPCA (Royal Society for the Prevention of Cruelty to Animals)!"

Os ativistas criticavam as normas de bem-estar das explorações com estatuto de "exploração assegurada" da RSPCA, sendo o Rei Carlos um dos seus patronos.

Numa declaração fornecida ao jornal britânico The Telegraph, um ativista da Animal Rising explicou "Sendo o Rei Carlos um grande fã de 'Wallace e Gromit', não podíamos pensar numa forma melhor de chamar a sua atenção para as cenas horríveis das quintas com garantia da RSPCA! Apesar de esperarmos que isto seja divertido para Sua Majestade, também lhe pedimos que reconsidere seriamente se quer ser associado ao terrível sofrimento nas explorações agrícolas que são apoiadas pela RSPCA".

A Animal Rising apelou ao monarca para suspender o seu apoio à instituição de caridade, uma vez que um recente relatório diz que os seus membros visitaram 45 quintas diferentes que ganharam o selo de aprovação da RSPCA Assured e encontraram "agricultura industrial e crueldade animal grave em cada uma delas".

A galeria afirmou que o incidente foi resolvido rapidamente e que não houve danos para a obra de arte.

O retrato " refeito" do rei Carlos III
O retrato " refeito" do rei Carlos IIIAnimal Rising - Facebook - X
O artista Jonathan Yeo, à esquerda, e o rei britânico Carlos III na inauguração do retrato de Yeo do rei, na sala de visitas azul do Palácio de Buckingham
O artista Jonathan Yeo, à esquerda, e o rei britânico Carlos III na inauguração do retrato de Yeo do rei, na sala de visitas azul do Palácio de BuckinghamAaron Chown/PA via AP

A RSPCA respondeu às alegações da Animal Rising numa declaração, afirmando que "quaisquer preocupações sobre o bem-estar nas quintas certificadas pela RSPCA Assured são levadas extremamente a sério e a RSPCA Assured está a agir rapidamente para analisar estas alegações".

"Respondemos de forma aberta e transparente aos desafios colocados pelo Animal Rising ao nosso trabalho agrícola", continua o comunicado. "Embora compreendamos que a Animal Rising, tal como nós, quer o melhor para os animais, a sua atividade é uma distração e um desafio ao trabalho que todos estamos a fazer para criar um mundo melhor para todos os animais".

A organização também disse estar "chocada" com o ato. "Nós aceitamos o escrutínio do nosso trabalho, mas não podemos tolerar actividades ilegais de qualquer tipo."

Outras fontes • The Telegraph, Animal Rising Facebook

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Turista do Cazaquistão vandaliza muro arquelógico em Pompeia

Morreu aos 88 anos o ator Donald Sutherland

Polícia britânica prende ativistas da Just Stop Oil que vandalizaram Stonehenge