Eleições italianas: que se segue?

Eleições italianas: que se segue?
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

As eleições em Itália vão testar as políticas de austeridade do Governo. E o antigo Comissário Europeu Mario Monti tem liderado esse governo tecnocrata no corte das despesas, aumento dos impostos e na reforma laboral. Tudo para restabelecer a confiança naquela que é a terceira economia da zona euro. E de acordo com as sondagens, se Monti se juntasse a vários partidos, teria boas hipóteses de vencer as eleições, mas com que maioria? Vão estas eleições “chocar” o sistema ou permitir que a Itália solidifique a sua posições no seio da União?

As respostas em The Network, com Chris Burns e os convidados: Marco Incerti, responsável pela Investigação e Comunicação do Centro Europeu de Estudos Políticos, CEPS; Adriana Cerretelli, correspondente do diário económico italiano “Il Sole 24 Ore” e Domenico de Masi, Professor de Sociologia da Università della Sapienza, em Roma.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Irá a União Europeia sobreviver?

A UE deve reorientar ajudas a outros países para os refugiados?

Evitar o Brexit implica o início do fim da UE?