EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

“Dia histórico” para Carles Puigdemont que entra no Parlamento Europeu

“Dia histórico” para Carles Puigdemont que entra no Parlamento Europeu
Direitos de autor ap direct
Direitos de autor ap direct
De  Patricia Tavares
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Puigdemont prepara-se para assumir mandato enquanto eurodeputado. David Sassoli abriu as portas do Parlamento Europeu aos líderes independentistas catalães.

PUBLICIDADE

Os líderes independentistas catalães, Carles Puigdemont e Toni Comín, conseguiram a acreditação como eurodeputados eleitos e entraram na sede do Parlamento Europeu, em Bruxelas. Uma acreditação temporária que se tornará final, depois de uma série de procedimentos.

A próxima sessão plenária está prevista para 16 de janeiro. E entre os procedimentos a cumprir está a demissão enquanto deputado no parlamento catalão.

O Tribunal de Justiça da União Europeia anulou uma sentença do Tribunal Geral que impedia os líderes independentistas de assumir o mandato para o qual foram eleitos em maio e de figurar na lista oficial de eurodeputados.

Poucas horas depois da anulação, David Sassoli, abriu as portas do Parlamento Europeu aos líderes independentistas catalães.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Mais de 10 mil pessoas na tradicional travessia do Lago Balaton na Hungria

Ucrânia e a Rússia disparam dezenas de drones em ataques mútuos

Cipriotas procuram restos mortais dos desaparecidos 50 anos após a invasão turca