This content is not available in your region

Pobreza afeta 18 milhões de crianças na UE

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Pobreza afeta 18 milhões de crianças na UE
Direitos de autor  euronews
Tamanho do texto Aa Aa

Quão grave é a pobreza infantil na Europa?

22,5% das crianças enfrentam a pobreza e a exclusão social na Europa - o que equivale a 18 milhões de crianças. Este número é de 2019,e a pandemia tem piorado a situação.

O quadro varia na UE com os níveis mais elevados na Bulgária e Roménia, onde uma em cada três crianças vive em situação de pobreza. Os níveis mais baixos encontram-se na Eslovénia, Holanda e Finlândia, onde uma em cada dez crianças vive em situação de pobreza.

Cerca de 60% das crianças ciganas vivem em grave privação material e 80% estão em risco de pobreza ou exclusão social.

Quais são os efeitos a longo prazo?

Em comparação com aquelas com melhores condições, são mais propensas a ter um desempenho inferior na escola, têm dificuldade em encontrar um emprego em condições e sofrem de saúde precária na idade adulta. Isto cria frequentemente um ciclo de desvantagens ao longo de gerações.

O que é a Garantia Europeia da Criança?

Para quebrar este ciclo, a Garantia Europeia da Criança pede aos governos da UE que assegurem que todas as crianças em risco de pobreza tenham:

  • Educação gratuita
  • Cuidados infantis
  • Cuidados de saúde de boa qualidade
  • Uma refeição escolar saudável por dia e
  • Poderem participar em actividades na escola, incluindo desporto - tudo de forma gratuita.
  • Uma habitação decente.

A Garantia põe em acção o Pilar Europeu dos Direitos Sociais que visa retirar pelo menos 5 milhões de crianças da pobreza até 2030.

Pede-se aos países-membros da UE que assinem a garantia e criem planos de acção sobre a forma como a vão implementar.