Surto de legionella na cidade polaca de Rzeszów faz onze mortos

A Legionella é uma bactéria que se desenvolve em sistemas de água quente
A Legionella é uma bactéria que se desenvolve em sistemas de água quente Direitos de autor Canva
De  Euronews com AFP
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Artigo publicado originalmente em inglês

Cidade encontra-se na fronteira com a Ucrânia.

PUBLICIDADE

Onze pessoas morreram na sequência de um surto de legionella na cidade de Rzeszów, no sudeste da Polónia, que faz fronteira com a Ucrânia.

As autoridades sanitárias locais comunicaram o número atualizado de mortos na segunda-feira.

A idade das vítimas mortais varia entre os 64 e os 95 anos, e todos sofriam de outras doenças crónicas.

A legionella é uma bactéria que se desenvolve em sistemas de água quente. De acordo com o Serviço Nacional de Saúde (NHS) do Reino Unido, normalmente apanha-se em locais como hotéis, hospitais ou escritórios onde a bactéria entrou no abastecimento de água.

Propaga-se através de sistemas de ar condicionado, humidificadores, piscinas termais, banheiras de hidromassagem, torneiras e chuveiros que não são usados com frequência.

Além disso, provoca problemas respiratórios graves e o tratamento requer, frequentemente, antibióticos administrados por via intravenosa e oxigénio administrado através de uma máscara ou máquina.

"Confirmámos 144 casos (de contaminação) e onze casos fatais", disse Adam Sidor, inspetor regional de saúde, aos jornalistas.

"Estamos a procurar a fonte de contaminação. Neste momento, está a ser considerada a contaminação da rede de abastecimento de água quente e fria", acrescentou.

De acordo com os primeiros resultados dos testes, a presença da bactéria foi confirmada em vários níveis em metade das primeiras 18 amostras de água examinadas.

No total, recolheram-se 105 amostras.

"Isto ainda não nos permite dizer que o sistema de abastecimento de água é a fonte de contaminação. Os próximos dias serão decisivos", declarou o inspetor sanitário.

Durante o fim de semana, as autoridades de Rzeszów, cidade com cerca de 200 mil habitantes, efetuaram trabalhos adicionais de desinfeção em toda a rede.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Cientistas alemães fazem 'grande descoberta' que pode retardar o envelhecimento

Deputados alemães dão luz verde à legalização da canábis

Maior hospital do Alabama suspende fertilização in vitro