EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Onde ficam as atrações turísticas mais bem avaliadas do mundo?

Budapeste e o edifício do Parlamento húngaro estão em lugar de destaque
Budapeste e o edifício do Parlamento húngaro estão em lugar de destaque Direitos de autor Canva
Direitos de autor Canva
De  Angela Symons
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Para ajudá-lo a decifrar quais os lugares que valem a pena visitar e quais os que deve ignorar, a rede de depósitos de bagagem Stasher classificou 99 das principais atrações turísticas do mundo

PUBLICIDADE

Não há nada pior do que viajar para ver, ao vivo e a cores, uma atração turística popular e pensar: "É isto?"

Só porque algo é conhecido, não significa que seja impressionante.

Para ajudá-lo a decifrar quais os lugares que valem a pena visitar e quais os que deve ignorar, a rede de depósitos de bagagem Stasher classificou 99 das principais atrações turísticas do mundo.

Tendo em consideração as avaliações da Google, a qualidade do alojamento local, a distância do aeroporto internacional mais próximo, a segurança turística e a popularidade no TikTok, cada atração foi classificada numa escala de 0 a 10. As atrações para as quais não foi possível encontrar dados para todos estes critérios foram filtradas das classificações.

Quatro dos cinco principais pontos turísticos mais impressionantes do mundo estão na Europa.

Aqui estão as melhores - e as piores - atrações turísticas de acordo com os dados.

Quais são as melhores atrações turísticas da Europa?

Canva
A Praça de Espanha é a atração turística mais popular de Sevilha.Canva

4. Praça de Espanha em Sevilha, Espanha

Um semicírculo de impressionantes edifícios governamentais ladeados por altas torres abraça uma grande fonte na ampla Praça de Espanha de Sevilha.

A praça foi originalmente construída para a Exposição Ibero-Americana de 1929.

52 alcovas de azulejos revestem a base dos edifícios, retratando cada uma das províncias da Espanha. Quatro pontes de mosaico - representando as quatro antigas regiões do país - cortam caminhos pitorescos sobre a água, onde barcos a remo flutuam à volta do canal circular.

Apesar do conhecido local turístico ter caído do primeiro lugar nas classificações anteriores da Stasher, ainda está orgulhosamente entre as cinco primeiras posições.

A Praça de Espanha é um espaço público, o que significa que a entrada é gratuita.

Canva
Turistas visitam a Lago Azul por causa das propriedades curativas.Canva

3. Lagoa Azul, Islândia

Com o vapor a esfumar-se das águas turquesa, cercadas por vulcões inspiradores, a Lagoa Azul da Islândia é uma imagem convidativa.

Por mais etérea que a paisagem possa parecer, a piscina não é um fenómeno natural. O spa é mantido com um subproduto da central geotérmica próxima.

No entanto, a água rica em minerais e a lama de sílica branca e macia têm propriedades curativas para a pele.

Por ano, a Lagoa Azul recebe cerca de um milhão de visitantes - mais do dobro da população da Islândia - e é um dos lugares favoritos no TikTok.

PUBLICIDADE

Os preços dos bilhetes para a Lagoa Azul variam conforme o dia, a hora e a época, começando em cerca de 60 euros.

Canva
Turistas visitam a Lago Azul por causa das propriedades curativas.Canva

2. Disneyland Paris, França

O "lugar mais feliz na Terra" faz jus ao seu slogan - pelo menos de acordo com os utilizadores do TikTok.

A Disneyland Paris é a atração mais popular da rede social. Os posts com tag foram visualizados quase oito mil milhões de vezes. Também tem uma classificação da Google muito respeitável - 4,5.

Também é fácil chegar com o Eurostar, com comboios diretos de Londres para o parque temático a fazerem a ligação em menos de três horas. Embora este serviço termine a 5 de junho de 2023, ainda é possível chegar ao parque com uma simples mudança na estação Lille-Europe, na cidade francesa de Lille.

A partir de Bruxelas, a rede Thalys, por exemplo, opera comboios de alta velocidade que demoram apenas 1,5 horas.

PUBLICIDADE

O preço dos bilhetes diários para a Disneyland Paris começa nos 63 euros.

Canva
Turistas visitam a Lago Azul por causa das propriedades curativas.Canva

1. Edifício do Parlamento Húngaro, Budapeste, Hungria

Com uma arquitetura de conto de fadas e bares modernos, a capital da Hungria deslumbra os turistas ao virar de cada esquina.

Um passeio de barco pelo rio Danúbio fará, certamente, parte do seu itinerário, dando-lhe a possibilidade de avistar o marco mais impressionante da Europa, o Parlamento de Budapeste, a partir da água.

Inaugurada em 1902, a estrutura neogótica continua a ser a maior construção do país. A fachada simétrica e a cúpula central formam uma silhueta marcante sobre o lado Pest do rio. Saia à noite para vê-lo iluminado em toda a sua glória.

O edifício do Parlamento Húngaro obteve uma impressionante classificação de 7,3 pontos em 10 na análise da Stasher, tornando-se não só na principal atração turística da Europa, como também de todo o mundo.

PUBLICIDADE

Para entrar no edifício, é preciso pagar 13 euros, no caso de ser cidadão do Espaço Económico Europeu (EEE), ou 26 euros se for de fora do EEE.

Canva
Turistas visitam a Lago Azul por causa das propriedades curativas.Canva

Quais são as piores atrações turísticas da Europa?

A Europa não aparece fortemente representada entre as piores atrações turísticas do mundo.

O Grande Bazar de Istambul, na Turquia, surge em segundo lugar entre as piores atrações do mundo por causa de questões de segurança e acessibilidade. Ainda assim tem uma média de 4,4 nas avaliações da Google.

Os EUA e a Ásia têm muitas das "piores atrações" da lista. Os turistas rotularam o Passeio da Fama de Hollywood, em Los Angeles, como “sujo” e “inseguro” nas críticas, conseguindo a posição mais baixa. Os Busch Gardens em Tampa Bay, na Florida, também está entre os dez últimos.

Localizado a 219 quilómetros de um aeroporto, o Taj Mahal, na Índia, ocupa o terceiro pior lugar. Victoria Harbour e Ocean Park, em Hong Kong, estão em sexto e sétimo lugar.

PUBLICIDADE

Saiba mais sobre as classificações aqui.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Itália, Eslovénia e Croácia: Nova linha de comboio oferece uma aventura ferroviária por apenas 8 euros

Cafés na Europa estão fartos de nómadas digitais que ocupam muito espaço

Baleias, ursos, linces: conheça os projetos que permitem aos turistas encontrar a vida selvagem de forma responsável na Europa