Última hora
This content is not available in your region

Qual é a atual situação da Líbia?

Qual é a atual situação da Líbia?
Tamanho do texto Aa Aa

John, de Londres, Inglaterra:
“Quase dois anos e meio depois da queda do regime de Kadhafi, a Líbia continua a ter dificuldades em pôr fim a um período caótico de transição. Qual é, de facto, a atual situação do país?”

Saïd Haddad, Doutorado em Ciência Política, investigador docente no Centro de Pesquisa das escolas de Saint-Cyr Coëtquidan e responsável pela rubrica “Líbia” da revista L’Année du Maghreb:
“Dois anos e meio depois da queda do regime de Kadhafi, a situação líbia pode ser qualificada como delicada. Os governantes líbios, a classe política que dirige o país, enfrentam um certo número de desafios. O primeiro ponto a sublinhar é o peso da herança de Kadhafi. Após 42 anos de um regime complexo e particular, na Líbia há que reconstruir tudo.

“Por isso, os líbios adotaram um mapa de ação que se traduz, nomeadamente, pela eleição de uma assembleia legislativa e pela instituição de um governo saído dessa eleição. Todavia, apesar desses avanços, continuam a existir preocupações ao nível da segurança. O exército líbio não consegue impor a sua autoridade às milícias, que se institucionalizaram na paisagem política graças à legitimação revolucionária.

“A esta insegurança interna, soma-se a insegurança externa e a questão do petróleo. Podemos esperar que as eleições de 20 de fevereiro para a Assembleia Constituinte permitam à Líbia resolver todos os desafios políticos e regionais, e apontar aos governantes perceber o rumo a seguir: se estamos a caminho de uma Líbia unitária, de uma Líbia descentralizada, ou de uma Líbia federal?

Se também gostaria de fazer uma pergunta em U-talk, clique no botão abaixo.