À procura do poeta

À procura do poeta
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
PUBLICIDADE

Arqueólogos vão escavar cerca de 600 metros cúbicos de terra, em Peñon del Colorado, no eventual local onde o poeta Federico García Lorca foi fuzilado, na madrugada do dia 18 de agosto de 1936.

O arqueólogo Javier Navarro dirige o projeto baseado nos estudos do investigador Miguel Caballero:

“Pode causar algum alívio, no azedume entre as duas Espanhas, divididas pela guerra civil. A descoberta dos restos mortais da pessoa mais procurada da guerra civil, o mito à volta de Lorca, será um bálsamo para a sociedade”, disse Caballero.

Os trabalhos baseiam-se nos estudos de Caballero e em artigos do jornalista Eduardo Molina Fajardo que apontam Peñón del Colorado como o local onde foi enterrado García Lorca.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Um arquiteto juntou-se a 17 famílias e nasceu a primeira cooperativa de habitação em Madrid

Só em janeiro, Canárias receberam mais migrantes do que na primeira metade de 2023

Vinícius Júnior, jogador do Real Madrid, não conseguiu conter as lágrimas ao falar de racismo