This content is not available in your region

Casamento gay nos EUA. Supremo examina constitucionalidade

Access to the comments Comentários
De  Nelson Pereira  com AFP, Reuters
Casamento gay nos EUA. Supremo examina constitucionalidade

O Supremo Tribunal dos Estados Unidos vai esta terça-feira tomar uma decisão histórica sobre o casamento gay. Os juízes vão decidir se todos os estados são obrigados a reconher o direito dos casais homossexuais ao casamento.

Ao todo, 36 dos 50 estados norte-americanos aprovaram já o casamento entre pessoas do mesmo sexo, uma decisão em vigor também no distrito federal de Columbia, onde se situa a capital, Washington. O matrimónio de casais homossexuais é proibido nos restantes 14 estados e é esta situação que a decisão do Supremo Tribunal vai alterar ou manter.

O Supremo vai deliberar sobre duas questões. A primeira, diz respeito à constitucionalidade do casamento entre homossexuais, e uma resposta afirmativa obrigará os estados americanos a invalidar as restrições ou proibições ao casamento gay.
A segunda questão, tem a ver com o reconhecimento, pelos estados onde a união entre homossexuais não é permitida, dos casamentos gay legalizados fora dos seus territórios.

A deliberação final está prevista para o final do mês de Junho.