EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Ministra francesa do ambiente desculpa-se por apelar ao boicote à Nutella

Ministra francesa do ambiente desculpa-se por apelar ao boicote à Nutella
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A Itália mantém-se firme e apoia a Nutella, depois da ministra francesa do Ambiente ter apelado ao boicote à iguaria. A mulher e a filha do

PUBLICIDADE

A Itália mantém-se firme e apoia a Nutella, depois da ministra francesa do Ambiente ter apelado ao boicote à iguaria.

A mulher e a filha do primeiro-ministro, Matteo Renzi, fizeram questão de comer o doce, em público, no “stand” da Ferrero, na Expo de Milão.

O fabricante da Nutella afirma que a sustentabilidade ambiental é uma das preocupações da empresa, sendo reconhecida por isso.

“O que é importante lembrar é que, quando a Ferrero usa óleo de palma nos seus produtos, incluindo na Nutella, fá-lo respeitando o meio ambiente e as populações. Várias ONGs têm-nos elogiado, incluindo a WWF e a Greenpeace, pela veracidade e autenticidade dos nossos compromissos “, assegurou o porta-voz da Ferrero France, Christophe Bordin.

A ministra francesa do ambiente, Ségolène Royal, já se desculpou por ter apelado ao boicote à Nutella, afirmando que contribuía para a desflorestação das zonas tropicais devido ao uso massivo do óleo de palma, um dos principais ingredientes do doce de chocolate.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Presidente da Câmara de Paris nada nas águas do rio Sena

Chama olímpica ilumina a parada militar do Dia da Bastilha em França

Legislativas antecipadas mergulham França na incerteza política sem primeiro-ministro no horizonte