Áustria em estado de choque

Áustria em estado de choque
De  Fernando Peneda com Lusa/AFP
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Em Gratz, a segunda maior cidade da Áustria, um homem de 26 anos de nacionalidade austríaca e ascendência bósnia, lançou deliberadamente o automóvel

PUBLICIDADE

Em Gratz, a segunda maior cidade da Áustria, um homem de 26 anos de nacionalidade austríaca e ascendência bósnia, lançou deliberadamente o automóvel que conduzia a grande velocidade contra as pessoas que circulavam numa das principais ruas pedonais, matando pelo menos três e ferindo 36.

Segundo fontes policiais, após o atropelamento o condutor terá saído do automóvel munido de uma faca e agredido várias pessoas.

Entre as vítimas mortais figuram duas crianças e um dos feridos está em estado crítico.

“Não há explicação para isto. Não existem desculpas para isto. Faremos tudo para apurar os factos. Neste momento pensamos nas famílias das vítimas”, disse Hermann Schützenhöfer, governador do estado de Styria.

O diretor da polícia da região já afastou a hipótese de se ter tratar de um ato terrorista.

De acordo com os primeiros elementos recolhidos pela equipa de investigação, o homem que foi detido sem resistência apresenta sintomas de doença mental.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Arranca julgamento de alegados cúmplices de ataque terrorista em Viena

Inverno invulgarmente quente deixa parte da Áustria sem neve

Áustria quer retirar sem-abrigo das ruas com modelo finlandês