Holanda: justiça ordena redução das emissões de gases com efeito de estufa

Holanda: justiça ordena redução das emissões de gases com efeito de estufa
De  Nelson Pereira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O governo holandês tem cinco anos para reduzir as emissões de gases com efeito de estufa em pelo menos 25%. A justiça holandesa considerou ilegais

PUBLICIDADE

O governo holandês tem cinco anos para reduzir as emissões de gases com efeito de estufa em pelo menos 25%.

A justiça holandesa considerou ilegais os planos do executivo, que pretendia reduzir as emissões entre apenas 14 e 17% em relação aos níveis de 1990, e ordenou o corte de um quarto desses valores.

Uma decisão que abre um precedente para outros países e que deu razão a 900 cidadãos que tinham apresentado queixa contra o governo por negligência face ao aquecimento global.

O tribunal justificou a sentença afirmando que “O Estado não deve esconder-se atrás do argumento de que a solução para o problema climático global não depende unicamente dos esforços holandeses”. Segundo os juízes, “Qualquer redução das emissões contribui para a prevenção de alterações climáticas perigosas e um país desenvolvido como a Holanda deve assumir a liderança nesse processo.”

Os ambientalistas defendiam que o governo tem o dever de proteger os seus cidadãos contra os perigos iminentes da mudança climática.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rutte "deixa política" depois das legislativas

Política migratória causa demissão do governo dos Países Baixos

Ativistas climáticos bloqueiam autoestrada nos Países Baixos