Alemanha: Justiça retira acusação de "traição" sobre jornalista

Alemanha: Justiça retira acusação de "traição" sobre jornalista
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Na Alemanha, o Ministério Público Federal, em Karlsruhe, suspendeu o inquérito sobre o site Netzpolitik, especializado em defesa da liberdade

PUBLICIDADE

Na Alemanha, o Ministério Público Federal, em Karlsruhe, suspendeu o inquérito sobre o site Netzpolitik, especializado em defesa da liberdade digital, e retirou a acusação de “traição” sobre um jornalista.

A publicação estava na mira dos tribunais após a difusão, em fevereiro e abril de 2015, de dois artigos sobre projetos de vigilância do governo alemão.

Este inquérito judicial provocou um amplo debate sobre a liberdade de imprensa no país e levou à demissão do Procurador-Geral, Harald Range que acusou o ministro da Justiça, Heiko Maas, de minar a independência da justiça.

“Ainda há muitas perguntas sem resposta. O Procurador, Harald Ranger, foi sacrificado, mas muitas pessoas têm conhecimento deste caso e tomaram a decisão de iniciar a investigação. Nós ainda não conseguimos obter um total esclarecimento”, refere Markus Beckedahl jornalista do Netzpolitik.

Esta é a primeira vez que jornalistas são alvo de uma investigação deste tipo desde os anos 60.

A sociedade alemã tem-se mostrado particularmente atenta e tem pedido claramente aos governantes para garantirem estes direitos de forma inequívoca.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Centro de Colónia parcialmente evacuado devido a bomba da II Guerra Mundial

Pelo menos cinco mortos em acidente de autocarro na Alemanha

Robert Habeck, vice-chanceler da Alemanha: A Europa deve afirmar-se e ser capaz de defender-se