A tradição já não é o que era: Playboy "veste-se"

A tradição já não é o que era: Playboy "veste-se"
De  Ricardo Figueira com AFP, Reuters, Mashable, New York Times
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O atual diretor, Scott Flanders, justifica a decisão com a concorrência da Internet, que deixa o sexo e a nudez ao alcance de um simples clique.

PUBLICIDADE

Decididamente, como alguém disse, a tradição já não é o que era. Pasme-se: A Playboy vai deixar de publicar fotos de mulheres nuas. É o fim de uma era, ou talvez o triunfo do “politicamente correto”.

A revista vai agora focar-se nas reportagens e entrevistas, algo que sempre fez, mas que nem sempre recolhe a atenção devida, já que a marca é sempre associada ao erotismo.

A revista norte-americana foi fundada por Hugh Hefner em 1953. O primeiro número trazia na capa Marilyn Monroe na capa. Desde então, foram muitas as famosas a despir-se. Victor Navasky, presidente da revista de jornalismo da Universidade de Columbia, concorda com a decisão: “Qualquer amante de ficção pode confirmar que uma foto de uma mulher com alguma roupa pode ser muito mais sexy que uma foto de uma mulher nua”.

O atual diretor, Scott Flanders, justifica a decisão com a concorrência da Internet, que deixa o sexo e a nudez ao alcance de um simples clique. A revista vai continuar, no entanto, a publicar fotografias de mulheres em poses provocantes. O site da revista já tinha sofrido esta transformação, para permitir aos utilizadores a consulta no local de trabalho.

A decisão foi tomada depois de uma reunião do editor Cory Jones com o próprio Hefner. O primeiro número sem nus vai ser publicado em março do próximo ano.

What do you think of #Playboy magazine's decision to stop publishing nudes? (Photo from my December… https://t.co/fkRDdOASqz

— Dita Von Teese (@DitaVonTeese) October 13, 2015

No water in California, no titties in #Playboy..... End of days ?

— Nicole Alvarez (@NicoleFAlvarez) October 13, 2015

==

#Playboy is getting rid of Nudity in March 2016.

I hear they have articles…

Who knew?

http://t.co/GkoFhBoG3ppic.twitter.com/Noe8oU4T6Y

— Tom Hall (@TomHall) October 13, 2015

==

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Flor-cadáver desabrochou em São Francisco

Líder republicano Mitch McConnell deixa Senado ao fim de 40 anos

Primárias no Michigan: Biden vence corrida dos democratas e Trump triunfa entre republicanos