Última hora
This content is not available in your region

Michelin fecha fábricas na Europa

Michelin fecha fábricas na Europa
Tamanho do texto Aa Aa

Más notícias para os empregados da Michelin: O grupo francês, líder mundial do fabrico de pneus, vai fechar várias fábricas na Europa e pôr fim a 1600 postos de trabalho na Europa.

O Reino Unido vai ser o país mais afetado. O fecho da fábrica na Irlanda do Norte vai custar o emprego a 860 trabalhadores. Os outros países mais tocados são a Itália e a Alemanha, onde vão também fechar fábricas. Esta restruturação vai fazer-se ao longo dos próximos quatro anos. O grupo já previu, nas contas deste ano, um encargo de 280 milhões de euros.

A Michelin anunciou também que vai investir 265 milhões de euros na modernização das fábricas e da rede de logística.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.