EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Rolling Stones e Havana passam a noite juntos

Rolling Stones e Havana passam a noite juntos
Direitos de autor 
De  Antonio Oliveira E Silva com LUSA, AFP
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os Rolling Stones deram esta sexta-feira um concerto em Havana, Cuba, dias depois da visita do Presidente dos EUA, Barack Obama.

PUBLICIDADE

Os Rolling Stones arrastaram mais de meio milhão de pessoas para o concerto de sexta-feira à noite em Havana.

O concerto levou ao recinto desportivo de Havana uma multidão heterógena desde havia famílias inteiras a turistas, jovens e alguns mais velhos.

Hector, um dos assistentes, disse, depois de algumas canções, que este era mais do que um concerto.

“É uma barreira que se quebra. Chega a Cuba uma nova cultura e vamos conhecer-nos. A família de cá e a família de lá…Precisamos disto para estarmos mais unidos”.

Horas antes do início do concerto, três quartos do recinto estava já cheio e milhares de pessoas foram ficando bloqueadas nas ruas em redor, sem conseguir entrar, mas vibrando com o espetáculo, perfeitamente audível nas redondezas.

A banda britânica atuou em Cuba três dias depois da visita história a Havana do Presidente dos Estados Unidos da América, Barack Obama, e o concerto foi incluído à última hora na digressão que os Rolling Stones estão a fazer na América Latina.

Thank you Cuba for an incredible, unforgettable show! It was wonderful to see all of you! Photos D Hogan#StonesCubapic.twitter.com/bhM9zCf6gE

— The Rolling Stones (@RollingStones) 26 de março de 2016

Um palco de 80 metros de comprimento e sete ecrãs gigantes foram instalados na Ciudad Deportiva, o complexo inaugurado em 1959, antes da revolução cubana que acabou por banir o rock do país por o regime de Fidel Castro o considerar uma expressão musical ligada ao imperialismo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Centenas de cubanos visitam navio de guerra russo

Rússia envia submarino nuclear para Cuba para reavivar diplomacia naval

ONU vota contra embargo norte-americano a Cuba